segunda-feira, 17 de julho de 2017

Minha candidatura à FPbX

Por FERNANDO MELO

Depois de mais de 40 anos auxiliando o desenvolvimento do xadrez da Paraíba, sempre ocupando cargos de secretário e vice-presidente, resolvo aceitar convite e me candidatar a Presidente da Federação Paraibana de Xadrez.
Venho pensando e conversando a respeito do que pode ser feito para dar uma sacudida no xadrez de nossa terra. Confesso que estou entusiasmado com os planos que tenho em mente, mas para tanto preciso contar com o apoio de todos e em todo o Estado.

Vejamos alguns desses planos, considerando minha eleição.

1 - Pretendo formar a Diretoria Executiva com os seguintes membros e seus respectivos cargos:

Presidente - Fernando Melo
1º Vice-Presidente - José Mario Espínola
2º  Vice-Presidente - Antonio Morais
1º Secretario - Ubirajara Barros
2º Secretário - Luiz Fabio Jales
Diretor Técnico - Ivanilson Pereira
Diretor Financeiro - Silvio Sá  
Diretores do Interior - Fabson Palhano, Joaquim Virgolino  e Biu de Patos. 

OBS: Será criado um Conselho o qual contará com 15 membros.

2 - Cadastro e Anuidade
Todos os jogadores de xadrez da Paraíba que queiram competir em torneios, deverão ser cadastrados na Federação e contribuir com uma anuidade de R$ 12,00 (doze reais)

3 - Balancete Semestral 
O diretor Secretário e o diretor Financeiro apresentarão nos meses de junho e dezembro uma prestação de contas de todas as atividades da Federação.   

4 - Campeonato Paraibano

A - A partir do próximo ano (2018) o Campeonato Paraibano terá o formato de matches. Serão 16 jogadores, sendo que o Memorial Bobby Fischer (março) indicará 14 jogadores paraibanos melhor classificados (incluindo os pessoenses e campinenses) , 2 jogadores do Regional do Brejo e 2 jogadores do Regional do Sertão com torneios classificatórios com a supervisão da Diretoria Técnica.

B - Uma vez conhecido os 16 participantes, será formado 8 duplas, seguindo a força do Rating. Cada dupla jogará duas partidas invertendo as cores. Restando 8 jogadores, teremos a etapa seguinte, com 4 duplas jogando quatro partidas. Na terceira etapa, restando quatro jogadores. teremos duas duplas, jogando seis partidas. E a grande final com os dois jogadores restantes, que se enfrentarão em oito partidas e o vencedor será o Campeão Paraibano. Vale salientar que todo esse desenrolar do Campeonato Paraibano valerá rating FIDE e as despesas correrão por conta da Federação.

Essa plataforma de governo da futura administração, deverá ser analisada por toda a Diretoria Executiva, uma vez eleita, e acataremos, no momento devido, sugestão dos enxadristas paraibanos

Em linhas gerais, são esses quatro pontos que acreditamos dar um novo clima, provocar mais emoção e interesse para que tenhamos uma Federação Paraibana de Xadrez cada vez mais forte, competitiva e respeitada. É no momento o que temos a adiantar para os paraibanos como plataforma de governo.   

5 comentários:

  1. Parabéns pela democrática diretoria e pela abertura da prestação de contas, isto aqui no RN é uma utopia.

    ResponderExcluir
  2. Por mim já está eleito! Conte comigo para compor a equipe executiva da Federação, sinto-me honrado com a indicação e desejoso de contribuir com ideias e ações que ajudem a impulsionar a prática do xadrez em nosso estado!

    ResponderExcluir
  3. Que notícia maravilhosa, não desmerecendo as gestões anteriores, mas o senhor tem tudo para ser um grande administrador, a chapa ficou muito boa. Acredito que haverá uma grande alavancada no Xadrez Paraibano, mais competições, ideias novas, tudo isso faz bem ao Xadrez, pretendo filiar o clube da minha cidade a FPX. Ass: Prof. Fagner Lima- Baraúna-PB.

    ResponderExcluir
  4. Grande Melo, obrigado pela lembrança do meu nome, "tamo" junto e misturado meu patrão. SHOW DE CHESS!!!
    IN GOD WE TRUST!!!

    ResponderExcluir
  5. Apesar de estar em Betim MG, leio sempre o blog...

    A ideia é fantástica. Acredito que o blog já tem contribuido bastante para democratizar o xadrez na PB. O aumento de torneios regionais pode incentivar e atrair muita gente boa. Penso que a descentralização só trará benefícios para o xadrez na Paraíba.
    Sei que o intercâmbio nacional é altamente benéfico para o xadrez mas tal intercâmbio poderia ser realizado com alguns nomes de peso do próprio estado.

    A ideia de algo diferente já foi lançada aqui pelo Grande Melo...agora é colocar em prática!

    Ass:Jesimiel Bento

    ResponderExcluir