sábado, 6 de fevereiro de 2016

Em andamento, o Brasileiro Feminino!

Cenário do Espaço Xadrez Total, local do Campeonato
Brasileiro de 2015, em São Paulo (SP) (Foto: site oficial)
Está em andamento, no Espaço Xadrez Total, em São Paulo, o Campeonato Brasileiro Feminino 2015, a principal prova do xadrez feminino no país, com a participação de 10 jogadoras. O evento é disputado no formato Round Robin, onde todas enfrentam-se entre si, em 9 rodadas. Serão ofertados 6 mil reais em prêmios, dentre os quais R$ 1.400,00 para a campeã e R$ 1.000,00 para a vice-campeã. A prova, que começou ontem, vai até o dia 10 deste mês e pode ser acompanhada pela página Xadrez Total, no Facebook, ou pelo site www.xadreztotal.com.br. O diretor do Campeonato é o AI Mauro Amaral, Presidente do Espaço Xadrez Total, e o Árbitro Geral é o AI Pablyto Robert. No momento, depois de 2 rodadas, dividem a liderança, com 2 pontos, a WMI Juliana Terao, a WMF Julia Alboredo e a WMF Suzana Chang. Confira, a seguir, a relação completa das participantes e fotos do evento, extraídas do site oficial.


WFM Suzana Chang e Marcela Nunes

WIM Regina Ribeiro e WFM Julia Alboredo

WIM Vanessa Feliciano e WFM Regina Bonfim

WIM Juliana Terao e Natalia Baccarin


Vivian Heinrichs e WIM Joara Chaves

Começou o Aberto do Brasil de Natal!

Mesa 1 da rodada inicial: Alexandre Macedo (RN), de brancas,
enfrenta o GM Alonso Salvador (ARG) (Foto: Xadrez Potiguar)
Começou na tarde deste sábado de Carnaval, o Aberto do Brasil - Taça Cidade de Natal, no Aeroclube da capital norte-riograndense. Estão participando 74 jogadores, dentre os quais 3 GM's de bandeiras estrangeiras. A primeira rodada não trouxe surpresas e todos os melhores ranqueados venceram nas suas partidas, o que não deixa de ser um fato até não muito comum, num torneio desse porte. Da Paraíba, além do MF Luismar Brito, está presente Antônio Dutra, que jogou na rodada inaugural na mesa 3, contra o GM americano Andrew Hungaski. A prova, dirigida pelo MF Máximo Macedo e arbitrada pelo AF Igor Macedo terá 6 rodadas, até a próxima segunda-feira. Acompanhe pelo chess-results (link). Na noite deste sábado acontece a segunda rodada. As fotos que seguem foram obtidas no facebook de Xadrez Potiguar.











Um show de horror

Por Fernando Melo

Anand fez 6,5 em 10 , 41º lugar e perdeu 21,9 Elo.
   Sempre admirei Viswanathan Anand. Faz tempo, muito tempo, bastante tempo que essa admiração existe e vai continuar existindo eternamente! Portanto, fico à vontade para comentar sua participação no recente torneio de Gibraltar, Inglaterra, que cresce a cada ano por conta dos prêmios atrativos. Tinha Grande Mestre para se perder de vista. Queria tá lá, vendo toda aquela elite do xadrez internacional, inclusive as mulheres, em grande número e jogando bem. Entre os favoritos, tinhamos Anand e Nakamura.
    Fazia tempo que Anand não jogava um torneio aberto. E o que aconteceu foi uma verdadeira tragédia para ele. Ninguém esperava o seu desmpenho abaixo, bem abaixo do esperado. Perdeu tanto ponto Elo que, depois de mais uma década pontificando, saiu do Top 10! Como se não bastasse, sua condição de número 1 na Índia está ameaçada por Pentala Harikrishna, 17 anos mais jovem do que Anand.
      Será que os 46 anos de idade estão pesando em Anand? O que afinal aconteceu? Escondendo o jogo para o Torneio de Candidatos no próxixo mês? Não sei ainda se ele deu entrevista após esse seu desempenho em Gibraltar. Mas é bom lembrar que Nakamura ganhou o torneio, no entanto teve um começo bem abaixo, com quatro empates. Sei não, mas os dias são outros. Essa mocidade à la Carlsen, que prefere um computador a um tabuleiro, tá dando muito trabalho. Saudades do tempo de Fischer, que o homem era homem e não uma máquina! O título acima é inspirado no que Leonard Barden escreveu, em The Guardian, onde fui buscar subsídios para esse artigo.

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

VII Memorial Bobby Fischer - 111

Faltam 35 dias! Certa vez perguntaram a Fischer quem era o melhor jogador de todos os tempos. Capablanca, foi a resposta. A propósito, sabem como morreu José Raul Capablanca? "Na noite de sábado, 7 de março de 1942, José R. Capablanca estava assistindo a um jogo de boliche no Manhattan Chess Club de Nova York. Ele estava no seu habitual excelente bom humor quando de repente, com a voz embargada, pediu ajuda, querendo que tirassem seu casaco. Ele caiu e foi levado para um sofá, e antes da ajuda médica, entrou em coma. Correram para o Mt. Sinai Hospital e às 5h30 veio a falecer, vitimado por uma hemorragia cerebral".

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Nakamura é campeão do Gibraltar!

Nakamura bate Lagrave no tie-break e vence pela 2ª vez
consecutiva o Gibraltar Chess Festival (foto: site oficial)
O torneio de Gibraltar tinha um sem-número de grandes titulados... O resultado final, contudo, fez prevalecer, exatamente, os 2 melhores pre-ranqueados! Nakamura e Lagrave terminaram a competição Master empatados, sozinhos e invictos, com 8 pontos, em 10 possíveis. Assim, bem que poderiam dividir o título, mas tiveram que partir para um tie-break de partidas rápidas e, depois de 4 empates, Nakamura venceu a quinta partida e repetiu o feito do ano passado, ficando com a taça de campeão do Gibraltar! Uma outra super estrela do festival, Anand, fez um torneio muito aquém de sua respeitável biografia e amargou apenas o 41º lugar, com um tombo de 21,9 pontos no seu Elo. Já o brasileiro Yago Santiago também não teve muito o que comemorar, a não ser o fato de participar de um torneio tão espetacular como esse, cheio de grandes nomes do xadrez mundial. O MI pernambucano somou 4,5 pontos e ocupou a longínqua 160ª posição, com queda de 17 pontos no rating. Guerreiro que é, Yago vai certamente levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima, como diria aquela canção... A classificação completa do Gibraltar está no chess-results (link).

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Joaquim anuncia Esperança 2016!





Com a postagem ao lado, o nosso universal Joaquim Virgolino anuncia, no facebook, o tradicional Torneio de Esperança, na sua 19ª versão. É hora de se agendar para participar de mais esse grande evento do xadrez paraibano! Então, no final de abril deste ano de 2016, todos à Esperança! 

VII Memorial Bobby Fischer- 110



Faltam 37 dias! Fischer teve muitos feitos marcantes que emocionam àqueles que conhecem um pouco da sua história como jogador de xadrez. Um desses feitos foi sua participação no Campeonato dos Estados Unidos de 1963/64. Eram 12 jogadores, sendo 7 GMs, 3 MIs e 2 sem título. Sabe o que aconteceu? Fischer fez 100% dos pontos. A sua partida com Robert Byrne, em apenas 21 lances, Fischer jogando de negras uma Índia do Rei, ganhou o Prêmio de Beleza.

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Torneio das Acácias




No próximo dia 27 (sábado), será realizado no Clube de Xadrez Miramar, às 15 horas, sob a direção do MF Francisco Cavalcanti, o I Torneio Ativo das Acácias 2016, com 15 minutos nocaute e em seis rodadas. Brevemete, teremos as informações sobre premiação e inscrição do torneio.

FIQUE SABENDO!

A MAIOR DAS VITÓRIAS NÃO É AQUELA EM QUE CONSEGUIMOS DERROTAR NOSSOS ADVERSÁRIOS. A MAIOR DAS VITÓRIAS É AQUELA QUE OBTEMOS SOBRE NÓS MESMOS
Aristósteles - filósofo grego

Leitão falou... Tá falado(?)

Quem é o melhor enxadrista brasileiro da atualidade? Poderíamos até dizer, não sem razão, que seria Krikor Mekhitarian, por sua conquista do Campeonato Brasileiro, mês passado, quando superou o favorito Rafael Leitão. Porém, se considerarmos um horizonte mais dilatado, não há como negar que Leitão é mesmo o maior expoente do momento no xadrez nacional. E sendo assim, quando ele fala, convém que o escutemos com atenção. 

Hoje lemos seus comentários sobre a referida Final do Brasileiro, publicados no seu blog pessoal, em 18 de janeiro, e podemos perceber no texto posições firmes e um tanto controversas do hexacampeão nacional! Ele aborda sua campanha irregular, faz análises breves sobre lances cruciais de algumas partidas, elogia o desempenho dos adversários mais diretos - Krikor e Evandro Barbosa, festeja a performance de Ernani Choma e reflete sobre o xadrez de Yago Santiago! E no alto de sua posição de número 1 do Brasil, Leitão afia a pena para fazer algumas considerações sobre a data e a estrutura fornecida para a Final, além de criticar o episódio da última rodada, quando não houve a partida entre Teixeira contra Krikor, que influenciou diretamente o resultado do Campeonato.

Outrossim, dentre as opiniões vigorosas de Leitão, destacamos uma passagem que merece nossa maior atenção. Disse ele: "... por mais que pretendamos socializar o nosso jogo e oferecer chances para enxadristas de todo o Brasil, tenho sérias dúvidas se o sistema de duas semifinais é o mais adequado para a escolha dos participantes. Temos que nos lembrar que a função principal da competição é definir o melhor jogador do país e oferecer chances de normas para os não titulados – ambas as condições acabam prejudicadas no formato atual."

Bom, ao menos, ele se colocou em posição de dúvida sobre essa matéria! Afinal, a sua conclusão, ainda que verdadeira, ampara-se numa premissa que nos parece questionável. De fato, o Campeonato Brasileiro de Xadrez carece de propiciar, de algum modo, o embate entre boa parte dos melhores jogadores do país. Mas, por outro lado, soa-nos correta a política da CBX de estimular a participação de jogadores da parte Norte na Final, por meio da Semifinal 2, ainda que exista maior concentração de titulados mais expressivos na porção Sul do país. Como conciliar essa equação? Talvez tenha sido essa a maior intenção de Leitão: trazer à tona essa reflexão, de sorte que, a despeito das limitações financeiras, estimulemos a participação dos grandes nomes do nosso jogo na mais importante competição do Brasil, sem desconstruir a possibilidade de que bons enxadristas de todas as regiões também possam pleitear chegar a uma Final e, quem sabe crescer no xadrez, como o próprio maranhense Rafael Leitão!


P.S: Para ler o texto completo de Rafael Leitão, clique aqui.

A guerreira Valdemiza!

Uma das mulheres mais presentes nos torneios realizados em João Pessoa e em cidades vizinhas, conquistando a simpatia de todos pela sua maneira simples de ser, Valdemiza Gurgel é a nossa guerreira, que hoje aniversaria! Ela é dessas que ama o xadrez, no que ele nos traz de melhor: o prazer de jogar, independentemente de resultado, mas aqui acolá, surpreende! Longa vida!

As 93 primaveras do Paladino!

Recebendo o carinho da Dra. Albanita, sua esposa e companheira de muitos anos, o potiguar Luis Soares de Macedo, Paladino do Nordeste, completa hoje 93 primaveras. Os enxadristas do Brasil, de todos os recantos, conhecem e respeitam esse homem que sabe viver como poucos. É um abençoado pela família que tem, pelo amor que dedica ao xadrez e, principalmente, pela fé em Deus. Quando ele me diz... "se o Homem lá de cima deixar"... sinto que esse Homem sempre deixa, fazendo da vida do Paladino uma eterna primavera! Longa Vida, Mestre Macedo!