quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

E Gibraltar 2015 entra para a história!

GM HIKARU NAKAMURA - CAMPEÃO DO GIBRALTAR CHESS FESTIVAL - MASTERS
(Foto: Sophie Triay - Site oficial)

Acabou hoje o megaevento de xadrez de Gilbratar, na Inglaterra, com a vitória do GM Hikaru Nakamura, que chegou isolado no topo com 8,5 pontos, invicto na competição. Decerto que o americano é um dos maiores nomes do xadrez mundial, atualmente na 10ª posição do ranking da FIDE, com Elo 2776, e por isso mesmo pode vencer qualquer competição que disputar. Ainda assim, sua conquista em Gilbraltar merece ser celebrada. Afinal, haviam 78 GM's na disputa e 39 MI's, dentre tantos outros titulados. Nakamura, conseguiu 7 vitórias, sendo 6 delas em sequência, a partir da primeira rodada! Entre seus derrotados estava o pré-ranqueado número 1 do evento, o búlgaro Veselin Topalov (2800), que chegou em 5º lugar! Além do prêmio de 20 mil euros, Nakamura somou mais 16 pontos no rating e, com 2792, pode ver concretizado seu recorde pessoal, se essa marca não for alterada na próxima relação do ELO FIDE, em março.

O vice-campeão foi o GM David Howell, que também chegou isolado nessa posição com 8 pontos, faturando 16 mil euros. Vale dizer que na primeira rodada, seu adversário foi o MF brasileiro Felipe Menna Barreto, que não resistiu à força do GM inglês.

GM HOU YIFAN - Nova nº 1 do Xadrez
Mundial Feminino! (Foto: Sophie Triay - Site oficial)
O maior destaque do Gibraltar, contudo, foi "a" ocupante do terceiro lugar no pódio. Sim, o artigo é feminino mesmo! A posição foi alcançada pela chinesa Hou Yifan, atual campeã mundial de xadrez feminino. Pelos critérios de desempate, ela liderou o pelotão de 9 jogadores que somaram 7,5 pontos, pelo que embolsou 12 mil euros, além de mais 15 mil euros pela conquista de melhor na categoria feminino! Tudo muito bom, porém o mais relevante ainda não foi dito... Com seu resultado, Hou Yifan atinge no Elo vivo a marca de número 1 no ranking mundial do xadrez feminino (2686) e ultrapassa a lenda viva Judit Polgar, que reinou absoluta por 26 anos! Um feito histórico ocorrido em Gibraltar!

GM AXEL BACHAMM - Ótimo desempenho
em Gibraltar (Foto: Sophie Triay - Site oficial)
Outro bom destaque no evento inglês foi o GM paraguaio, Axel Bachmann, 10º colocado, com 7,5 pontos e resultados fantásticos, como os empates obtidos contra ninguém menos que os 2 primeiros lugares, Nakamura e Howell! Parece que os ares europeus fazem muito bem ao nosso sul-americano, dados seus ótimos desempenhos nos torneios disputados por ele no velho continente, nos últimos 2 anos, ao contrário do que vimos de sua performance nos eventos recentes dele aqui na América.

Já em relação aos brasileiros, a menção honrosa vai para o MI Yago Santiago, que somou 6,5 pontos e chegou na 50ª posição, num torneio, vale lembrar, com 78 GM's! Depois de um começo vacilante, Yago se recuperou e fechou o torneio com chave de ouro, vencendo as 4 últimas partidas, sendo as 2 finais contra os GM's Gawain (ING - 2671) Jones e Pia Cramling (SUE - 2518). No facebook, Yago revelou que Gilbratar foi o mais forte e melhor organizado torneio que ele já disputou, celebrando o fato de olhar para um lado e ver Topalov, olhar para o outro lado e ver Nakamura e, no meio do salão, mirar Hou Yifan! Sobre sua vitória contra Gawain, disse o MI pernambucano: "- Nunca venci alguém com rating tão alto!"

Os demais brasileiros tiveram o seguinte desempenho: MF Dirceu Viana (5,0 - 140º), MF Felipe Menna Barreto (4,5 - 156º) e Oscar Luiz Ferreira (4,0 - 191º).

Esses, portanto, foram alguns dos pontos relevantes desse grandioso evento inglês. Muitos outros destaques certamente existem, o  que deve ser explorado sob o ponto de vista dos demais sites e blogs de xadrez. Ficamos, por aqui, para não nos alongarmos ainda mais, festejando esse fantástico acontecimento da arte de Caíssa.

A classificação final e todos os números do Gibraltar Chess Festival estão no chess-results (link).

3 comentários:

  1. Parabéns Fernando Sá pela brilhante reportagem. Boas surpresas e fiquei feliz por Yago Santiago! E também por Hou Yifan, que admiro desde quando ela era menininha!

    ResponderExcluir