sábado, 25 de julho de 2015

Viva a Bird!

Cabeças pensando, tempo passando e o empate chegando!
Empatar com o "Bobby Fischer do Nordeste", e ainda mais com a Bird, é alegria demais para um septuagenário! Foi ontem, na minha partida com Vitor Firmo (RN-2100) pela primeira rodada no V IRT Caldas Vianna, com quase 4 horas de duração e que em nenhum momento me senti inferior na posição. Joguei tranquilo e com a troca de Damas no meio jogo e a troca dos Bispos na fase final, tudo ficou indicando para um empate, que Vitor custou em aceitar. Os Reis não conseguiam penetrar no campo adversário. Um bom começo de torneio para mim, graças à Bird, minha velha e boa paixão!

4 comentários:

  1. Vamos lá, Fernando! Ainda há muitos "moinhos de vento" a vencer!

    ResponderExcluir
  2. Vamos lá, Fernando! Ainda há muitos "moinhos de vento" a vencer!

    ResponderExcluir
  3. Cervantes viu hoje como o Don Evandro de Gonçalves e Gonçalves derrubou as pretensões deste pobre Quixote nordestino. Mas seria muito da parte deste querer vencer o nosso grande campeão paraibano, titulo que voce conquistou mais de uma vez, com méritos e altiva competência. Certamente o empate com o "FIscher do Nordeste" me fez tão alegre que fui levar flores para a minha doce Dulcineia, na companhia, evidentemente, da minha escudeira Dona Ana, já que o velho Sancho me abandonou,depois que eu lhe presentieu com uma ilha, lá nos confins do mundo, bem longe de Saavedra. Pois é isso meu caro Ivson, nós dois navegamos nesses mares bravios dos nossos sonhos, as vezes ouvindo sem amarras, o canto das sereias encantadoras!

    ResponderExcluir